Servidor da Prefeitura lança livro sobre vivência com o profeta Gentileza

0
926

O servidor público municipal e também jornalista Fred Souza irá lançar nesta sexta-feira, 11/05, mais uma obra literária:  “Minha Vida com Gentileza” irá contar a história em que ele viveu junto com o Profeta Gentileza. O lançamento do livro será às 19h, na antiga fábrica Marconato. Confira a entrevista de Souza sobre o livro.

O livro é baseado na convivência que você tinha com o profeta, certo? O que você destaca dessa relação? 

Sim, muito também dessa convivência, haja vista, que toda vez que ele vinha visitar os pais, quando saía para as “pregações” o primeiro lugar em que ele passava era em minha casa. No início, claro que me perguntava: – Quem é esse cara cabeludo, falante, pedindo que eu beijasse a sua mão. Depois me acostumei e acabei ficando amigo. E finalmente ajudei a organizar, com os familiares, seu velório e sepultamento 

Quanto tempo vocês conviveram? Você o conheceu quando e em qual situação? 
Por muitos anos. Conhecia seu pai e mãe e familiares. A primeira vez que eu tive contato com o profeta foi pelas ruas de Mirandópolis, que ele gostava de frequentar… Onde estava sempre havia muita gente ouvindo. 

O que você ressalta sobre ele? Como ele era com as pessoas, o que pregava, do que gostava? 
Olha, a impressão sempre foi a melhor possível, depois da aproximação. Ele era imponente, mas nunca rude. Ele não pegou a bíblia e saiu falando, ele criou algo novo – frases; jargões, o jeito de escrever, de se trajar, assim chamava mais a atenção de todos.  Já pensou se fosse um publicitário que tivesse criado a máxima
“Gentileza Gera Gentileza”, com certeza estaria rico, mas ele não fazia nada por dinheiro, que ele inclusive chamava de o “Vil Metal”. Viajava de carona e ficava na casa das pessoas. Ele dizia: “O Padre está esmolando; o Pastor está pastando e o Papa papão… Come em talher de prata e ouro. Jesus não agia assim, não é? 
Ele também pregava em favor da natureza. Na Eco 92, lá estava ele pedindo para os homens cuidado com o meio ambiente! Como não gostar de um cara desse. 

Foram doados a vocês vários objetos que eram do Gentileza. O que exatamente está com vocês?  
Neste momento nada, pois no fim de 2017, seu neto Wagner, veio do Rio e levou tudo o que tínhamos e que havia sido destinado a nós pelas filhas, para uma mostra dos 100 anos do profeta no Rio, juntamente com o Metrô de lá. Tenho o que ganhei dele – a camisa das fotos que ele escreveu no bolso e me deu, além de escritos seus no verso de um cartaz, que ele sempre costumava fazer e que também me deu durante sua estada no Hospital Geral de Mirandópolis. 

Qual é o objetivo do livro “Minha Vida com Gentileza”? O que você quis destacar, principalmente? 
Olha, primeiramente trazer à tona aos mais jovens a grande história desse maravilhoso cara. Sua mensagem é e será sempre muito atual. Mas o livro também tem curiosidades, álbum de fotos, um calendário de Gentileza, minhas lembranças e passagens com ele, destaco textos das suas pilastras no Rio (Viaduto do Caju) e tem também um texto maravilhoso do araçatubense Dado Amaral, que fez dois curtas sobre o mesmo. 

Você também é autor de outras obras, certo? Quais são? 
Sim, com esse já são nove os livros. São eles: 
Coisas do Umbigo e do Universo (Poemas)
Badamecos (Poemas)
Alguém que Vai por Aí (Poemas)
Poética de Performance (Poemas)
Estranho Íntimo (Poemas)
Théo – No Lixão Nascem Flores (Prosa)
Nome de Rua – Você Sabe quem Foi? (Prosa – História)
Ó do Borogodó – Cultura de Boteco (Prosa) 

Quem quiser ter acesso ao livro, como faz? 
R – Pode me pedir através do mail: thiensjaas@gmail.com ou pelo fone 18 997111309 (whatsapp). Tem também meu site https://thiensjaas.wixsite.com/fdefred. 

O lançamento será dentro do “A Luteratura Continua”? 
Esse foi um nome que encontrei e que acho tem a ver com o
momento atual do país. Teremos um sarau, mostra Gentileza, homenagem a um grande amigo poeta/escritor J. J. Grou, que já não está entre nós, o lançamento do livro e um pocket show com o César Menezes, amigo também de muito tempo, artista consagrado em toda a região. 

Com informações, Fred Souza.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com o seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.