Ir para o conteúdo

Prefeitura de Mirandópolis - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
SET
22
22 SET 2017
ANTERIORES
Vetores alerta população sobre cuidados com escorpiões
enviar para um amigo
receba notícias

O Departamento Municipal de Saúde, através do Centro de Controle de Vetores, está intensificando as orientações quanto ao cuidado com os escorpiões. A profissional de Informação, Educação e Comunicação em Saúde, Fátima Botoni, explica quais as medidas a serem tomadas diariamente. “Vamos manter limpos os quintais e jardins, evitar plantas e trepadeiras junto às paredes e muro das casas, rebocar paredes e muros, vedar soleiras de portas, tampar pias e tanques, usar desinfetantes nesses locais. Lixo domiciliar em sacos plásticos fechados, examinar bem roupas em geral, inclusive as de cama, calçados, toalhas de banho e de rosto, antes de usá-las. Manter berços e camas afastadas das paredes, evitar que roupas de cama encostem-se ao chão. Limpar terrenos baldios, vegetação bem aparadas, removendo pedras, tijolos, telhas, madeiras e outros materiais. Limpe constantemente os ralos dos banheiros, cozinha e mantenha-os protegidos com tela, plástico grosso, tapa ralo, tampas nos tanques, pias, pois os escorpiões vêm do esgoto, principalmente com a falta de chuvas”, alerta. O Controle de Vetores orienta também que a utilização de inseticidas não elimina a maioria dos escorpiões, portanto não só as medidas preventivas são recomendadas. A pessoa quando picada pelo escorpião deve procurar imediatamente o médico (posto de saúde e hospital mais próximo de sua casa). Ainda segundo Botoni, se alguém encontrar um escorpião deve colocá-lo em um frasco com tampa furada, contendo algodão ou pano umedecido com água e encaminhar ao Centro de Controle de Vetores, localizado na rua Getúlio Vargas, 320, Centro. Não se deve matar o inseto. A picada do escorpião provoca dor intensa no local e aos poucos vai se espalhando podendo ocasionar febre, vômito e suor intenso. Em Mirandópolis, de janeiro até agora, foram registrados 151 casos. ESCOLAS O departamento de Educação intensificou os cuidados nas escolas municipais, apesar de não ter registrado nenhum caso até agora. Na manhã desta sexta-feira (22/9), as aulas no Centro de Educação Infantil Professora Antônia Terenci, do bairro Labor, foram suspensas para que a dedetização fosse feita no local. Os trabalhos também já foram realizados no Cempis (Centro Educacional Municipal de Promoção e Interação Social) e devem se estender por todas as unidades escolares. “Estamos trabalhando com a prevenção. Não temos casos registrados em nossas escolas, mas devemos tomar os devidos cuidados para que não ocorram. Cuidados esses, por exemplo, proteger os ralos dos banheiros e de pias”, afirmou a diretora de Educação, Shizuko Miguita. “Em Julho deste ano, todas as escolas passaram por dedetização. Voltamos com trabalho, pois é o período em que o número de escorpiões aumenta”, completou Miguita.

Seta
Versão do Sistema: 3.2.6 - 05/09/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia